céu claro

notícias - Esportes

15/07/2017 11:22:01

Espaço Gre-Nal - 14ª rodada

Lucas Delgado
esporte@jornalsemanario.com.br


Grêmio

Depois de três derrotas consecutivas no Campeonato Brasileiro, o Grêmio finalmente voltou a vencer e encostar no líder da tabela, o Corinthians. A sequência negativa vinha desde o confronto justamente contra o clube paulista, mas o tricolor soube exercer a sua soberania contra os cariocas neste ano, bateu o Flamengo e volta a se consolidar como segundo colocado.

A partida da quinta-feira, 13, rendeu ao clube gaúcho uma espécie de título para ser ostentado no Campeonato. Vasco, Botafogo, Fluminense e agora Flamengo foram batidos pelo Grêmio no primeiro turno do Brasileirão. 

Na última rodada, o até então invicto em sua casa nova - no Ninho do Urubu -, o Flamengo foi surpreendido pela velocidade e técnica do menino Luan. Pretendido por equipes da Europa, o jovem deu de ombros para as possibilidades de saída e focou apenas no tricolor. Ele tabelou com Lucas Barrios após uma linda jogada individual e fez o único gol da partida. Placar final de 1x0. 

A vitória contra o rubro-negro  recoloca o Grêmio na vice-liderança isolada da Série A e distante apenas 10 pontos do Corinthians. Os três pontos também serviram para que o tricolor retomasse as vitórias no Brasileirão, já que a série de reveses era grande: Corinthians, Palmeiras e Avaí bateram o Grêmio em sequência.

Na coletiva de imprensa após a partida, o técnico Renato Portaluppi afirmou acreditar na queda de produtividade do Corinthians, possibilitando a chegada das outras equipes. “Não tem uma equipe que dispara assim no campeonato, é uma coisa anormal. Daqui a pouco vai despencar”, afirmou.

O próximo jogo do tricolor acontece domingo, 16, na Arena do Grêmio. O adversário será a Ponte Preta, que vive um mau momento.

Provável escalação: Grêmio x Ponte Preta - Leo; Edilson, Geromel, Rafael Thyere e Bruno Cortês; Michel, Artur, Ramiro, Luan e Pedro Rocha; Lucas Barrios. Técnico: Renato Portaluppi.

 

INTERNACIONAL

Vencer fora de casa é o melhor atributo colorado nesse ano de 2017. Se a campanha dentro do Beira-Rio não está à altura do principal elenco da Série B, a vitória na terça-feira, 11, contra o Ceará, confirma que o Internacional sabe mesmo é jogar como visitante.

Na partida que aconteceu em Fortaleza, a equipe colorada não teve muita posse de bola, e ficou apenas explorando as falhas do adversário. Os gaúchos encontraram o gol inicial numa rápida cobrança de lateral de Cláudio Winck. O ala encontrou em um corredor do flanco o meia Edenilson (que voltou a atuar bem). O jogador cruzou e William Pottker complementou o trajeto da bola, de barriga, para as redes - 1x0 no placar.

Não demorou muito e o Internacional ampliou. Em um rebote, de fora da área, Nico López acertou um belo chute, colocando a bola no ângulo esquerdo do goleiro do Ceará. O placar permaneceu assim até o fim. 

Guto Ferreira aproveitou a vantagem para fazer substituições importantes e descansar jogadores no segundo tempo. Na coletiva após a partida, o técnico elogiou a sequência na escalação, mas pontuou que os jogadores podem sentir a longa série de partidas. “De positivo, temos a sequência de escalação e um dia a mais de descanso. A repetição faz com que a gente tenha entrosamento. Daqui a pouco podemos ter a necessidade de equilibrar o aspecto físico”, explicou.

O colorado é o clube que tem o melhor retrospecto como visitante na Série B, com 66,6% de aproveitamento. O time somou 14 de seus 21 pontos na competição fora de casa.

 

O Internacional retorna a campo hoje, 15, no Estádio Rei Pelé, em Maceió. O colorado vai poder repetir o mesmo time da última partida. O adversário é o CRB, que tem um ponto a menos que o Colorado. 

Provável escalação: CRB x Inter - Danilo Fernandes; Cláudio Winck, Klaus, Victor Cuesta e Uendel; Rodrigo Dourado, Edenilson, Felipe Gutierréz e D'alessandro; Nico López e William Pottker. Técnico: Guto Ferreira.

Compartilhe pela rede:
Comente esta notícia